Forças armadas da Grécia: Equipamentos militares da Grécia, Força Aérea Grega, Militares da Grécia, Epaminondas, Ptolemeu I Sóter, M4 Sherman

0 valoración promedio
( 0 valoraciones por GoodReads )
 
9781231541920: Forças armadas da Grécia: Equipamentos militares da Grécia, Força Aérea Grega, Militares da Grécia, Epaminondas, Ptolemeu I Sóter, M4 Sherman
From the Publisher:

Fonte: Wikipedia. Páginas: 33. Capítulos: Equipamentos militares da Grécia, Força Aérea Grega, Militares da Grécia, Epaminondas, Ptolemeu I Sóter, M4 Sherman, AMX-30, Leopard, M3 Stuart, M113, Leónidas I de Esparta, Címon, Lisímaco, Lisandro, Heféstion, Esfódrias, Aristides, Alcibíades, Pérdicas, Polixênides, Brásidas, Nícias, Dez Mil, Hoplita, Cassandro, Carés de Atenas, Pelópidas, Parménio, Filomelo, Fidípides, Peltasta, Forças Armadas Gregas, Diofanto, George Papadopoulos, Ministro da Defesa Nacional, Leóstenes, Marinha da Grécia, Hermócrates, Febidas, Aristômene, Exército da Grécia, Astíoco, Pagondas, Academia da Força Aérea Grega, Paques, Dieneces, Ministério da Defesa Nacional, Calímaco de Afidna. Excerto: Epaminondas (em grego: ?παμειν?νδας, c. 418 a.C. - 362 a.C.) foi um general e político grego do século IV a.C.. Epaminondas foi responsável pela condução de mudanças na cidade-estado de Tebas transformando-a na nova potência hegemônica da Grécia, substituindo Esparta. Epaminondas redesenhou o mapa político da Grécia, fragmentou antigas alianças, criou novas e supervisionou a construção de cidades inteiras. Também teve grande influência militar, desenvolvendo e implementando diversas e muito importantes táticas de batalha. Antes de seu mandato, Tebas se encontrava sob domínio espartano: Epaminondas conseguiu melhorar a capacidade militar de Tebas a fim de situá-la em uma posição proeminente no quadro geopolítico do mundo helênico, criando o que se conheceria mais tarde como a hegemonia tebana. No processo, acabou com a supremacia militar espartana na Batalha de Leuctra e libertou os hilotas de Messénia, um grupo de gregos do Peloponeso que tinham sido reduzidos à servidão sob as ordens de Esparta durante cerca de 200 anos. O orador romano Cícero o chamou de "o primeiro homem da Grécia", mesmo tendo Epaminondas caído em uma relativa obscuridade nos tempos modernos. As mudanças que Epaminondas levou à ordem política grega não sobreviveram por muito tempo, d...

"Sobre este título" puede pertenecer a otra edición de este libro.

(Ningún ejemplar disponible)

Buscar:



Crear una petición

Si conoce el autor y el título del libro pero no lo encuentra en IberLibro, nosotros podemos buscarlo por usted e informarle por e-mail en cuanto el libro esté disponible en nuestras páginas web.

Crear una petición